Meus Projetos

Estratégias ou técnicas ou abordagens de gestão de risco

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

[ad_1]

Para mitigar adequadamente o risco, um gerente de projeto deve saber como gerenciá-lo com eficácia. A incapacidade de determinar os riscos pode fazer com que um projeto saia dos trilhos rapidamente. Estratégias de gestão de risco é um processo que começa na concepção do empreendimento e é seguido ao longo do ciclo de vida do projeto.

Embora a maioria dos gerentes de projeto esteja ciente dos perigos de evitar riscos, muitos não têm certeza de como todo o processo de gerenciamento de riscos funciona ou o que ele significa.

Gerenciamento de riscos

O objetivo da gestão de risco é garantir que a incerteza nunca desvie o esforço dos objetivos de negócios estabelecidos. É um processo que inclui a identificação, avaliação e priorização do risco para controlar a probabilidade de impacto. Agora que você entendeu o gerenciamento de riscos, a próxima pergunta a fazer é “quais são algumas técnicas de gestão de risco? ”

Identificação

A ideia por trás desse processo inicial é reconhecer, descobrir e descrever os riscos que podem afetar o resultado do seu projeto. A principal questão a ser feita aqui é “o que pode nos impedir de alcançar nossas metas e objetivos definidos?” Pensar no risco como um evento repentino é um equívoco. Identificar um problema e discuti-lo com antecedência é a chave para começar o processo de gestão de risco.

Há uma variedade de técnicas que as organizações usarão durante o processo de identificação para estabelecer estratégias de gestão de risco. A seguir estão alguns exemplos de como as pessoas identificam o risco corporativo:

  • Debate
  • Entrevistas e autoavaliações
  • Pesquisas de risco
  • Inventários de eventos ou dados de perda
  • Oficinas facilitadas
  • Causa raiz e análise de lista de verificação
  • Análise SWOT
  • Diagramas de influência
  • Julgamento perito
  • Análise de suposições

Durante essa fase inicial, qualquer forma de análise é simplesmente para fins de coleta de informações. Identificar as causas de um problema e desenvolver técnicas preventivas é a principal motivação para identificando risco.

Análise

READ  Mercado em destaque: Revolut Business

Uma vez identificados os riscos corretamente, é hora de analisá-los e priorizar aquele que terá maior impacto em seu projeto. Avaliar a lista errada, ou uma lista incompleta de riscos, não fará nenhum bem à empresa, portanto, é fundamental que você não economize na etapa um.

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

Quando chegar a hora da avaliação de risco, é importante que você tenha as ferramentas adequadas à sua disposição para mitigar com eficácia o perigo potencial. Análise de risco é geralmente agrupado em duas categorias principais: Qualitativo e Quantitativo.

Análise Qualitativa de Risco

A raiz da palavra qualitativa é “qualidade” e é nisso que essas técnicas se concentram. A qualificação de riscos segundo esse método envolve fazer uma lista simples dos próprios riscos, juntamente com sua classificação e mapeamento. A seguir estão alguns truques comuns usados ​​para avaliando os riscos de um aspecto qualitativo:

  • Avaliação e matriz de probabilidade e impacto: Analisar e classificar riscos usando probabilidade e impacto em coisas como custo, cronograma e desempenho.
  • Categorização de risco: Agrupando riscos por causas raízes comuns para desenvolver respostas eficazes.
  • Urgência de risco: A classificação de risco de sua matriz de probabilidade combinada com urgência pode ajudar a definir prioridades de riscos.
  • Opinião especializada: Opiniões profissionais de pessoas na indústria ou com experiência em projetos semelhantes.

Além de examinar as qualidades dos riscos, também é importante quantificá-los. A maioria das empresas costuma usar um pouco de ambas as técnicas em seus estratégias de gestão de risco.

Aumente a agilidade de seus negócios com o software de gerenciamento de projetos da Clarizen

Análise Quantitativa de Risco

Esses métodos são mais sobre medidas definitivas e técnicas probabilísticas. O maior risco de todos é o risco de perder dinheiro e você não pode usar sistemas qualitativos para contabilizar seus custos. A seguir estão algumas maneiras simples pelas quais as organizações estão contando seus riscos:

  • Distribuições de probabilidade: Usado em modelagem e simulação para representar a incerteza de valores em coisas como custos de tarefas e mão de obra.
  • Análise de risco de custo e cronograma: As estimativas de custo e programação são usadas como valores de entrada que são escolhidos aleatoriamente para cada iteração.
  • Análise sensitiva: Esta é uma técnica simples para determinar quanto impacto um risco representa para um projeto.
  • Análise do valor monetário esperado (EMV): Calcular o resultado médio de cenários que podem ou não acontecer.

Existem vários métodos para “contar” o risco durante o processo de análise. Uma vez realizada a avaliação, os estágios finais do planejamento devem começar.

Planejamento

A questão de “quais são alguns técnicas de gestão de risco? ” nunca deve aparecer durante esta fase. Neste ponto, você já deve estar familiarizado o suficiente com a mitigação de riscos, que o processo de planejamento é a parte fácil. Esta etapa final é mais sobre se preparando para o risco e gestão contínua. A seguir estão algumas técnicas simples que irão suavizar o processo de planejamento para você:

  • Avaliações e reuniões: Avaliações de risco contínuas e reuniões de status devem ser agendadas para reavaliação dos riscos atuais e o encerramento dos riscos. Deve ser sempre uma pauta nas reuniões de status e um tópico contínuo de conversa.
  • Auditorias de risco: Examinar e documentar a eficácia das respostas atuais aos riscos faz parte do processo de auditoria. Também analisa a eficácia do processo de gestão de risco como um todo.
  • Análise de variação e tendência: Comparar resultados planejados com resultados reais usando dados de desempenho para controlar e monitorar eventos de risco.
  • Medição de desempenho técnico: Comparar as realizações técnicas à medida que o projeto é executado com o que está no cronograma principal.

A gestão de riscos não consiste apenas em compreender e saber quando os riscos podem surgir. Também está planejando para eles e estabelecendo um processo contínuo para mitigar riscos continuamente. Um gerente de projeto experiente entende que o risco é sempre um elemento a ser considerado, mas não precisa ser uma surpresa. Por meio de uma identificação apurada, avaliação e planejamento, o fator de risco é devidamente mitigado e o projeto avança com sucesso.

[ad_2]

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *